Os efeitos da seca afeta toda a Zona Rural do município de Buritirama, e atento às necessidades dos moradores das localidades, o Governo Nossa Terra, Nossa Gente, junto com o Exército Brasileiro está trabalhando arduamente para amenizar a situação provocada pela escassez de água potável.

Hoje o município conta com 31 (trinta e um) carros-pipa do Exercito e dois da Prefeitura para atender as mais de 12 mil pessoas que residem na zona rural afetada pela seca. Juntos, Prefeitura e Exército transportam mensalmente quase mil pipas de água que são distribuídas nos duzentos e cinquenta PA (Ponto de Abastecimento) espalhados no interior do município.

O Exército, por ter um número maior de veículos, é responsável pela maioria do transporte da água, a Prefeitura, com seus dois veículos, ajuda neste atendimento à população carente desse benefício e é responsável pelo manancial (local de coleta) que fica no povoado de Desterro Rio Grande, município de Barra – BA, a 60 km de Buritirama, fazendo mensalmente a análise da água.

FISCALIZAÇÃO
Além do sistema de monitoramento instalado em cada caminhão, onde é visualizada cada entrega, equipes do Exército juntamente com o Conselho Municipal de Defesa Civil percorrem o município toda semana para verificar se a água está chegando a todas as famílias, pois o objetivo é que a água cegue para todos.

Segundo Paulo Roberto, coordenador municipal de Defesa Civil, a cidade vem sofrendo com a escassez de água por conta do baixo índice pluviométrico que vem ocorrendo nos últimos anos. Além da dificuldade de água potável para o consumo humano, já está faltando para o consumo animal, já que em algumas regiões as barragens estão secando.

Rosy Couto | Ascom/Prefeitura Municipal de Buritirama

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here